Manchetes

Menu

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Nossa Senhora da Purificação - História

Nossa Senhora da Purificação

Origem do título

O título Nossa Senhora da Purificação se origina no Evangelho de São Lucas 2, 22-40. No versículo 22 ele narra: “E, cumprindo-se os dias da purificação dela (de Maria), segundo a lei de Moisés, o levaram a Jerusalém, para o apresentarem ao Senhor.” A afirmação significa que no mesmo dia no qual Maria tinha que se purificar (passados 20 dias do parto), O Menino Jesus também foi consagrado ao Senhor. Assim, o título Nossa Senhora da Purificação nos remete ao dia em que Maria se purificou no templo.

A origem da festa de Nossa Senhora da Purificação

A festa da Purificação é uma das celebrações mais antigas da Igreja. A freira Egeria foi a primeira a escrever sobre a festa, quando fez uma peregrinação à Terra Santa entre os anos 381 e 384. Ela contou que o dia 14 de fevereiro era solene em Jerusalém, havendo uma procissão rumo à Basílica da Ressurreição, de Constantino I, e uma homilia baseada no evangelho de Lucas 2, 22.

Milagre

Um texto muito antigo narra: “Originalmente, a festa de Nossa Senhora da Purificação era uma celebração menor. Mas então, em 541, uma terrível praga irrompeu em Constantinopla matando milhares. O imperador bizantino Justiniano I, em consulta com o patriarca de Constantinopla, ordenou um período de jejum e oração por todo o Império Bizantino. E, na festa do “Encontro do Senhor”, organizou grandes procissões por todas as cidades e vilas, além de um serviço solene de orações (Litia) para pedir a libertação de todos os males e o fim da praga. Em agradecimento, em 542, a festa foi elevada para uma celebração mais solene e passou a ser celebrada por todo o império pelo imperador.” Diz também que “em Roma, a festa aparece no “Sacramentário Gelasiano”, uma coleção de manuscritos dos séculos VII e VIII associados com o papa Gelásio I, mas com muitas interpolações e algumas fraudes. É ali que aparece pela primeira vez o novo título da festa, “Purificação da Abençoada Virgem Maria”.”

Uma festa com diversos nomes

A celebração da Purificação de Maria e também da Apresentação de Jesus no Templo, que ocorre no dia 2 de fevereiro, comemora um episódio de quando Jesus ainda era criança. Na Igreja Ortodoxa e outras Igrejas Católicas do Oriente, ela é uma das doze Grandes Festas, e é também é conhecida como Hypapante (literalmente “Encontro”, em grego), Candelária, Purificação da Virgem e Encontro do Senhor.

A festa da Purificação de Nossa Senhora na Igreja Católica Romana

A festa da Purificação de Nossa Senhora é uma das maiores comemorações da Igreja Católica Romana, ocorrendo no dia 2 de fevereiro, depois da Festa da Conversão de São Paulo, que acontece em 25 de janeiro, e antes da Festa do Trono de São Pedro, que tem como data o dia 22 de fevereiro. No Santo Rosário latino da Igreja Católica, o quarto Mistério Gozoso é a Apresentação de Jesus no Templo.

A cerimônia de purificação

Maria realizou seu dever no Plano da Salvação, fazendo de tudo para que fosse realizada a vontade de Deus. As mulheres daquela época eram dadas como impuras depois do parto. Se afastavam da sociedade e dos afazeres religiosos do Templo por 20 dias se dessem à luz um menino, ou 40 dias se fossem mães de menina. Passados esses dias, a mãe e a criança tinham que comparecer ao Templo para a “purificação” da mãe e a apresentação da criança ao Senhor.

A Sagrada Família comparece ao Templo

Seguindo a tradição, a Sagrada Família apresentou o Menino Jesus à Deus-Pai no templo. Maria submeteu-se com infinita humildade à cerimônia de purificação. Por isso, para manifestar o enorme respeito e amor a Nossa Senhora, os primeiros cristãos resolveram definir o dia 02 de fevereiro como data da festa da Purificação de Maria.

Uma data especial para o corpo da Igreja Católica

A celebração de Nossa Senhora da Purificação é uma das mais antigas da Igreja Católica. Além disso, o dia em questão tem um significado especial para o corpo da Igreja, já que inúmeros religiosos escolhem o dia para pronunciar seus votos solenes de pobreza, castidade e obediência, consagrando e colocando suas vidas à serviço do Senhor.

A igreja de Nossa Senhora da Purificação No Brasil

No Brasil a primeira Igreja de Nossa Senhora da Purificação de Santo Amaro está localizada na cidade de Salvador, na Bahia, e é considerada uma das igrejas mais antigas do Brasil, sendo datada do ano de 1608.

Oração a Nossa Senhora da Purificação

“Deus eterno e todo poderoso, ouvi as nossas suplicas. Assim como o vosso Filho único revestido da nossa humanidade, foi apresentado no Templo, fazei que nos apresentemos diante de vós com os corações purificados. Virgem santa, Mãe de Deus, dai-nos a graça do Espírito Santo, que vença em nossos corações as trevas do pecado e nos conduza à plenitude da vida. Amém.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Slide

Google+ Followers

Oração de São Francisco


Oração de São Francisco de Assis Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz. Onde houver ódio, que eu leve o amor; Onde houver ofensa, que eu leve o perdão; Onde houver discórdia, que eu leve a união; Onde houver dúvida, que eu leve a fé; Onde houver erro, que eu leve a verdade; Onde houver desespero, que eu leve a esperança; Onde houver tristeza, que eu leve a alegria; Onde houver trevas, que eu leve a luz. Consolar, que ser consolado; compreender, que ser compreendido; amar, que ser amado. Pois, é dando que se recebe, é perdoando que se é perdoado, e é morrendo que se vive para a vida eterna. Amém