Manchetes

Menu

terça-feira, 18 de julho de 2017

O Papa: “Levar o Evangelho ao mundo do trabalho”

Mensagem ao encontro internacional do Movimento Mundial dos Trabalhadores Cristãos, na Espanha

(ZENIT – Cidade do Vaticano, 17 Jul. 2017).- O Papa Francisco enviou una mensagem neste sábado aos participantes do encontro internacional do Movimento Mundial dos Trabalhadores Cristãos, em andamento na cidade espanhola de Ávila, até o próximo dia 21.

Na mensagem o Papa os convida a “um impulso renovado nos esforços de levar o Evangelho ao mundo do trabalho”.

A conferência está Participam do evento 120 delegados representando o movimento presente hoje em 79 países. No 50º aniversario de sua fundação o tema do encontro é “Terra, casa e trabalho por uma vida digna”.

A mensagem, enviada pelo Secretário de Estado, Cardeal Pietro Parolin, indica que “a dignidade da pessoa está estritamente ligada a essas três realidades” que recordam que a experiência fundamental do ser humano “é a de sentir-se arraigado no mundo, na família e na sociedade”.

“Terra, casa e trabalho significa lutar para que cada pessoa viva de maneira conforme à sua dignidade e ninguém seja descartado. Para isso, nos encoraja a nossa fé em Deus que enviou o seu Filho ao mundo para que, partilhando a história de seu povo, vivendo numa família e trabalhando com suas mãos, redimisse e salvasse o ser humano com a sua morte e ressurreição”.

Fonte: Zenit

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Slide

Google+ Followers

Oração de São Francisco


Oração de São Francisco de Assis Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz. Onde houver ódio, que eu leve o amor; Onde houver ofensa, que eu leve o perdão; Onde houver discórdia, que eu leve a união; Onde houver dúvida, que eu leve a fé; Onde houver erro, que eu leve a verdade; Onde houver desespero, que eu leve a esperança; Onde houver tristeza, que eu leve a alegria; Onde houver trevas, que eu leve a luz. Consolar, que ser consolado; compreender, que ser compreendido; amar, que ser amado. Pois, é dando que se recebe, é perdoando que se é perdoado, e é morrendo que se vive para a vida eterna. Amém