Manchetes

Menu

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Papa confirma: pastorinhos vão ser canonizados a 13 de maio em Fátima

O Papa confirmou aos cardeais que os pastorinhos de Fátima serão canonizados a 13 de maio no Santuário de Fátima. Santuário de Fátima está a tocar sinos em sinal de festa.

O Papa Francisco vai canonizar os pastorinhos de Fátima, Francisco e Jacinta Marto, no dia 13 de maio, no Santuário de Fátima, durante a sua visita de menos de 24 horas a Portugal. A decisão foi comunicada na manhã desta quinta-feira pelo próprio Papa aos cardeais, reunidos em Consistório no Vaticano, confirmou o Observador. Entretanto, no Santuário, já se faz a festa com o toque dos sinos.

A reunião desta manhã teve um caráter essencialmente ritual: o cardeal Angelo Amato, prefeito da Congregação para a Causa dos Santos, fez o pedido formal de canonização ao Papa e aos cardeais, em latim, e Francisco anuiu, confirmando as datas previstas para as celebrações.

Esta era a última decisão que faltava desde que o milagre que permite a canonização foi aprovado pelo Papa, em março. Na altura, os responsáveis do Santuário de Fátima manifestaram a esperança de que a canonização ocorresse ainda durante o ano de 2017, em que se assinala o centenário das aparições.

Ao Observador, a irmã Ângela Coelho, postuladora da causa de canonização dos pastorinhos, afirmava que a aprovação do milagre foi “um passo muito importante”, mostrando-se alegre “com esta possibilidade que se avizinha”. Segundo a religiosa, o Vaticano reconheceu uma cura inexplicável de uma criança brasileira como milagre, atribuindo o feito à intercessão de Francisco e Jacinta Marto.

Fonte: http://observador.pt/2017/04/20/papa-confirma-pastorinhos-vao-ser-canonizados-a-13-de-maio-em-fatima/


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Slide

Google+ Followers

Oração de São Francisco


Oração de São Francisco de Assis Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz. Onde houver ódio, que eu leve o amor; Onde houver ofensa, que eu leve o perdão; Onde houver discórdia, que eu leve a união; Onde houver dúvida, que eu leve a fé; Onde houver erro, que eu leve a verdade; Onde houver desespero, que eu leve a esperança; Onde houver tristeza, que eu leve a alegria; Onde houver trevas, que eu leve a luz. Consolar, que ser consolado; compreender, que ser compreendido; amar, que ser amado. Pois, é dando que se recebe, é perdoando que se é perdoado, e é morrendo que se vive para a vida eterna. Amém